Mensagens

A mostrar mensagens de Novembro, 2014

InstaWeek #2

Imagem
SPES_Coro.  Missas no Justiça e Paz.

Mimos da mãe.

Saudades. Muitas.

...dos bons pequenos almoços.

Mana :)

...do vício por tudo o que tenha mochos.

Sou uma criança feliz.

Magusto '14 na ResDoroteias.

...dos bons vícios: chocolate.

Formação para a Missão no Brasil '15.

Domingos de manhã: versão fada do lar.

Almoços de fim-de-semana. Pasta~Caffé.

Magusto. Castanhas.

O caminho faz-se caminhando.  ResDoroteias.

Lanches de domingo à tarde para as princesas da ResDoroteias. (receita aqui).

Dia Nacional da Língua Gestual Portuguesa.

Em lista de espera...

Imagem

A dor da perda.

Imagem
Fez um ano dia 21 de Outubro que partiste para junto do Pai e nos deixaste fisicamente.
A doença não te matou, deu luta e tu lutaste para ficares só mais um pouco. E esse pouco foi muito.
Tudo o que possa dizer agora são apenas palavras soltas ao vento, mas tudo o que dissemos uma à outra foi de uma sinceridade inigualável.  Guardo as tuas últimas palavras, o teu último olhar e o teu último sorriso no coração.  Cumprirei o que me disseste sem pestanejar e sei que estás a olhar por mim com muito orgulho por eu estar feliz com as minhas escolhas e mudanças. Sabes que foi difícil. Os últimos dois anos foram dos mais difíceis da minha vida, por razões várias, mas o último porque tu não estavas.  Quando ia à cozinha e não te via a ralhar com o avó para ir lavar as mãos antes do almoço e para colocar a placa na casa-de-banho. Quando não tinha ninguém a perguntar-me que linhas ficavam bem em determinado pano, sabendo que esse pano seria para me oferecer. Quando não tinha ninguém a dizer-me q…

Palavras, reflexões, desabafos #01

Imagem
A força maior está no amor. Já dizia a canção.
Chaplin disse que o homem não deixa de viver quando morre mas quando deixa de amar.
Gandhi disse que o amor era a força mais subtil do mundo.
Eugénio de Andrade, um dos meus poetas preferidos disse que era urgente o amor.
Mas afinal o que procuramos todos nesta nossa passagem pela vida?
A minha mãe sempre me disse que eu tinha nascido para amar e para ser amada. Foi das coisas mais bonitas que me disse e que guardo sempre comigo.  Mas será que chega o amor de Deus, da família, dos amigos...? Não sei. Não sei responder.  Quero acreditar que me falta encontrar o amor de outra forma, mas acho que isso está longe de acontecer.  Não sei porquê, mas o amor anda a fugir de mim.  Coloco questões. Dúvidas. Muitas. Sempre. Desde sempre. A cada ano. Ao longo dos anos. Santa Paula Frassinetti, fundadora da congregação das Irmãs Doroteias disse que se deixarmos o Senhor agir, tudo correrá bem.  Acredito que ele agirá na minha vida quando achar que est…

Aquilo que leio por ai, aquilo que me toca, aquilo com que me identifico #01

Imagem
"O meu mundo não é como o dos outros, quero demais, exijo demais, há em mim uma sede de infinito, uma angústia constante que eu nem mesmo compreendo, pois estou longe de ser uma pessimista; sou antes uma exaltada, com uma alma intensa, violenta, atormentada, uma alma que se não sente bem onde está, que tem saudades... sei lá de quê!"
Florbela Espanca

InstaWeek #1

Imagem
Como não escrevo aqui há alguns dias e como dizem que por vezes uma imagem vale mais que mil palavras, lembrei-me de iniciar aqui no blogue um conceito que a S. do blogue "As minhas pequenas coisas" costuma fazer que é uma espécie de Instagram da semana dela em fotografias com algumas legendas.. Estas fotos não são apenas desta semana, mas fica aqui uma espécie de resumo destes tempos por Coimbra... 



Digam lá se eu não tenho a cadelinha mais fofa do mundo? Não imaginam as saudades que eu tenho desta bichana!!!





O orgulho de vestir esta camisola é muito e verdadeiramente puro!


... dos bons passeios pelo Parque Verde do Mondego, nesta bela cidade que é Coimbra.




Cortejo da Latada '14

...do jardim da minha avó!*

Missão Brasil '15: a fervilhar e em preparação.





















Sophia de Mello Breyner






... as minhas companheiras de estudo.